• representatividade
  • BONECA NEGRA É REPRESENTATIVIDADE | VIREI BONECA

    É com muita alegria que trago esse vídeo, mostrando a minha bonequinha pretinha, SIM, VIREI BONECA! ?

    Queria agradecer a equipe @eraumavezomundo por esse trabalho maravilhoso de representatividade para nós.

    E quem conhecer mais sobre o trabalho dessa equipe maravilhosa ou quiser comprar, as pré-vendas começarão dia 06/03/2017, no site:

    WWW.ERAUMAVEZOMUNDO.COM

    Essa equipe maravilhosa tem como objetivo “viabilizar elementos da imaginação que formam o indivíduo, desenvolvendo espelhos positivos e afirmativos que elevem a autoestima da criança, principalmente, criando representatividade”.

     

    SAIBA MAIS EM:
    www.eraumavezomundo.com
    contato@eraumavezomundo.com

     

    ACOMPANHE NAS REDES SOCIAIS
    Facebook.com/eraumavezomundo
    Instagram.com/eraumavezomundo
    Twitter.com/eraumavezomundo

     

     Fiquem ligados pois a coleção é limitada!

     

     

    instagram.com/jacyjuly

     

     

    instagram.com/jacyjuly

     

    ASSISTA!!

  • representatividade
  • “Taís Araujo não é só a mais elegante estrela de TV brasileira, é também a mais corajosa”. Vogue US

    Olá, divas!


    Quem conhece a maravilhosa da Tais Araujo sabe que ela é fantástica, talentosa e dona de um sorriso encantador. Todos esses elogios não ficam só por aqui, a revista Vogue, que é considerada praticamente um livro de cabeceira essencial pra quem está no meio da moda, concorda em gênero, número e grau. Fizeram uma matéria especial sobre a nossa musa brasileira e não econimizaram elogios.

    Dá uma conferida!


    Imagem internet


    “Taís Araujo não é só a mais elegante estrela de TV brasileira, é também a mais corajosa”

    “Quando se fala em Brasil, as modelos podem ter a maior parte da atenção, mas as atrizes da nação não ficam para trás. Como uma das estrelas mais queridas do Brasil, Taís Araújo sempre foi uma presença popular nas telas desde o meio dos anos 90. A primeira afrobrasileira a ser uma protagonista de uma novela brasileira, Araújo derrubou barreiras em um tempo em que atrizes negras eram frequentemente relegadas a interpretar apenas empregadas domésticas ou coadjuvantes”, defende o texto, que ainda menciona os ataques racistas contra a atriz, ocorridos no ano passado.“.



    Ela ficou muito entusiasmada ao saber da matéria.